#diferenca – Batatas

Fonte: Papo de Cozinha

Não vou descrever os tipos de batatas acima porque basicamente você precisa saber de três tipos:
1 – Batata Monalisa (ou Inglesa):
É a batata de casca amarela e interior branco. É ideal para fazer diversos tipos de prato menos aqueles que a batata é o item principal da receita, como nhoque, fritura.

2 – Batata Asterix:
A casca da batata é roxa mas não se assuste! É ideal para fazer aqueles que a batata é o item principal da receita, como nhoque, fritura. Na ausência dessa batata, utilize a Monalisa

3 – Batatinha:
É uma versão miniatura da Monalisa, ideal para saladas, petiscos.

Como preparar
Batatas você pode prepará-la de diversas formas: cozida, assada, frita. Vou explicar basicamente como fazer.

– Cozida:
Você pode cozinhar na panela de pressão, é mais rápido porem, se não tiver experiência, não tente.

Ou cozinhar na panela normal, coloque na panela as batatas descascadas e picadas, a água e o sal, demora um pouco mais em relação a panela de pressão.

Ou no microondas, coloque em uma travessa de vidro ou porcelana, as batatas descascadas e picadas, cozinhe de dois minutos em dois minutos. Nas pausas verifique se já está cozida. É ideal para pequenas quantidades.

– Assada:
Corte um quadrado de papel alumínio, coloque as batatas descascadas e picadas, polvilhe com sal e feche o papel alumínio, Coloque para assar.

Na minha opinião, não compensa assar a batata a não ser que seja um prato final, por exemplo, batata assada com sal grosso e alecrim.

– Frita:
Tem a tradicional, que você fatia as batatas e frite ou você pode cozinhar batatinhas e depois fritar na frigideira.

Dicas
1 – Essa eu aprendi em Ubatuba, para acelerar o cozimento, utilize a água do chuveiro (já quente);
2 – Precisa fazer um prato na última hora e não tem tempo para cozinhar batatas? Compre já pronta.

Olá!

Ok! Já mudei o foco do blog umas duas vezes e eu espero que essa seja a última!

Aos 13 anos eu comecei a aprender a arte da gastronomia com a minha mãe. No começo eu fazia o trivial, miojo, arroz de panela de arroz e por ai vai. Há uns 3 à 4 anos eu comecei a estudar e colecionar receitas. Muitas das receitas que vou colocar aqui são parte do meu acervo, outras eu já fiz e refiz várias vezes.

Quando eu faço um prato eu gosto de saber a origem e degustar alguns antes (segundo o meu namorado, eu sei ser gordinha e fazer os outros ficarem gordinhos) por isso dividi o meu blog em três principais categorias: origem dos pratos, onde degustar e receitas (doces e salgadas).

Aproveitem!